18
abril
2011
20:53

Arma usada para matar irmãs em Cunha é a mesma do suspeito

Exame de balística apontou que tiros foram dados por carabina calibre 22.Arma do mesmo tipo foi encontrada escondida em mata pelo suspeito.

O Instituto de Criminalística de São Paulo confirmou nesta segunda-feira (18) que a arma usada na morte de duas irmãs em Cunha, no interior de São Paulo, é a mesma encontrada com o principal suspeito do crime.

Ananias dos Santos foi preso na semana passada, na casa dos pais dele. Segundo a polícia, o lavrador confessou os assassinatos. Ele levou os policiais até o local onde estava a arma do crime, uma carabina calibre 22, o mesmo tipo apontado pelo exame de balística realizado pelo IC.

As irmãs Josely, de 16 anos, e Juliana, de 15, foram mortas quando voltavam da escola, no fim de março. Nesta terça (19), a polícia realiza a reconstituição do crime. Ainda não há confirmação se Ananias dos Santos vai participar.

A polícia ouviu na sexta-feira (15) a namorada de Ananias dos Santos. Testemunha dos assassinatos, ela prestou depoimento na delegacia de Guaratinguetá por duas horas. Novos depoimentos serão marcados, pois a polícia ainda tem dúvidas sobre o motivo do duplo homicídio.

Recomendo estes outros conteúdos:

  1. Shopping usa arma elétrica para reforçar a segurança em SP
  2. Corregedoria identifica policiais suspeitos de matar vigilante
  3. Chefes das polícias Civil e Militar destacam investimentos em segurança
  4. PM cumpre 13 mandados de prisão e prende quadrilha
  5. Ladrão rouba carro em SP e pede ajuda de dono para conseguir dirigir

Seu email nao sera divulgado.
Campos obrigatorios marcados com *