28
março
2011
09:55

CET padroniza velocidade no corredor Leste-Oeste

Medida visa uniformizar a velocidade máxima nessas vias e proporcionar maior segurança aos usuários

A Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) vai uniformizar a regulamentação de velocidade no corredor Leste-Oeste para 60 km/h, a partir do dia 1º de abril (sexta-feira). Essa mudança tem como principal objetivo proporcionar maior segurança aos que circulam pelos 33,8 quilômetros do corredor, que abrange as avenidas Francisco Matarazzo, Elevado Costa e Silva, Viaduto Radial Leste, Avenida Alcântara Machado, Rua Melo Freire, Avenida Conde de Frontin, Avenida Antonio Estevão de Carvalho, Rua Dr. Luiz Ayres e Avenida José Pinheiro Borges (Nova Radial).

Com a nova regulamentação de velocidade, a CET pretende aumentar a segurança no Eixo Leste-Oeste, com uma redução estimada de 20% no risco de acidentes.

Para garantir a segurança, estudos técnicos da CET indicaram a necessidade de manter em 50 km/h a velocidade nas curvas do Elevado Costa e Silva e da Ligação Leste-Oeste.

Também nas vias abaixo do Elevado Costa e Silva – Avenida General Olímpio da Silveira e Amaral Gurgel – as velocidades serão uniformizadas em 60 km/h.

Estão sendo implantadas 293 placas de regulamentação de velocidade, 23 de advertência e 19 educativas. Os usuários dessas avenidas também serão avisados da mudança por meio de 36 faixas informativas colocadas ao longo do corredor.

Redução de acidentes e mortes

O controle da velocidade é crucial para a segurança do trânsito, já que, na maioria dos acidentes de trânsito, a menor velocidade do veículo poderia ter evitado o acidente ou abrandado sua gravidade.

Investimentos realizados pela Secretaria Municipal de Transportes na fiscalização do trânsito – como o aumento do efetivo de agentes da CET, ampliação da rede de fiscalização eletrônica, redução de limite de velocidade nas avenidas 23 de Maio, Rubem Berta e Indianópolis, entre outras medidas – tiveram reflexos diretos sobre o número de vítimas fatais de acidentes de trânsito. O número de mortes decorrentes de acidentes de trânsito em São Paulo, ao longo de 2009, caiu 5,5% em comparação com 2008. Essa redução significa 81 vidas poupadas.

Considerando o objetivo de diminuir o número de acidentes de trânsito em São Paulo, a Secretaria Municipal de Transportes (SMT), por meio da CET, propõe uma simplificação da regulamentação da velocidade de forma a facilitar a compreensão dos motoristas sobre a velocidade a ser adotada nos deslocamentos, adequando os limites a um maior controle do risco no Sistema Viário de São Paulo, conforme tabela a seguir.

Classe de Via Velocidade
Vias de Trânsito Rápido (VTR) 90 km/h (Expressa das Marginais)

70   km/h (Av. 23 de  Maio/Rubem Berta e Central e Local das Marginais)

Vias arteriais I 60   km/h
Vias arteriais II e III 50   km/h
Vias coletoras 40   km/h
Vias locais 30   km/h

Os próximos corredores a terem a velocidade uniformizada serão:

  • Trecho Norte do Eixo Norte-Sul – Av. Luis Dumont Villares, Av. General Ataliba Leonel e Av. Santos Dumont até o Vale do Anhangabaú;
  • Trecho Sul do Eixo Norte-Sul – Av. Washington Luís, Av. Interlagos e Av. Senador Teotônio Vilela;
  • Eixo Cruzeiro do Sul – Av. do Estado e Av. Abraão de Morais;
  • Contra Rótula – Av. Duque de Caxias e Rua Mauá;
  • Eixo Braz Leme – Av. Pacaembu e Av. Rio Branco.

A CET recomenda aos usuários que estejam atentos quanto à nova regulamentação de velocidade e informa que os radares já estarão autuando, a partir do dia 1º de abril, os veículos que desrespeitarem a nova regulamentação.

Recomendo estes outros conteúdos:

  1. CET interdita parcialmente Ligação Leste-Oeste
  2. CET interdita parcialmente passagem Ligação Leste-Oeste
  3. CET revitaliza Avenida Jacu-Pêssego, na Zona Leste
  4. Prefeitura realiza Operação de zeladoria na Marginal do Pinheiros e eixo Leste-Oeste da Cidade‏
  5. Transitar na faixa exclusiva de ônibus e excesso de velocidade são as autuações que mais cresceram em 2010

Seu email nao sera divulgado.
Campos obrigatorios marcados com *