17
julho
2012
19:32

Com alagamentos, acidente e semáforos quebrados, SP tem 120 km de filas

Com cinco pontos de alagamento, 28 semáforos quebrados e um caminhão tombado, a cidade de São Paulo registrava 120 km de filas por volta das 18h desta terça, o que representa 13,9% dos 868 km de vias monitoradas.

O índice estava acima da média do horário, que é de 11,3%. A pior região era a zona sul, com 50 km de congestionamento. 

Por volta das 18h, a CET (Companhia de Engenharia de Tráfego) registrava cinco pontos de alagamento na cidade:

1. marginal Pinheiros, pista local, altura da ponte Engenheiro Ary Torres, sentido interlagos;

2. pista expressa da marginal Pinheiros, na mesma altura e sentido;

3. rua Antonio Bento, na altura da praça Doutor Clemente de Faria (Jardim Paulista);

4. rua Alvarenga, altura da avenida Afrânio Peixoto, sentido bairro (Butantã);

5. avenida Guido Caloi, altura do viaduto Frederico Eduardo Mayr, sentido Interlagos

Com as chuvas, a CET registrava, além dos alagamentos, 28 semáforos com problemas em toda a cidade no horário. De acordo com o órgão, 14 semáforos estavam apagados e 14 estavam no amarelo intermitente.

A pior via às 18h era o corredor norte-sul, com 8,6 km de lentidão, no sentido Aeroporto, da praça da Bandeira até o viaduto João Julião da Costa Aguiar. No sentido Santana, eram 5,4 km de filas, do complexo viário João Jorge Saad até a praça da Bandeira.

Com 6,4 km de filas, a marginal Tietê era a segunda pior via, com congestionamento tanto na pista expressa como na local, no sentido Ayrton Senna, da ponte Júlio de Mesquita Neto até a Rua Azurita.

ACIDENTE

A avenida Alexandre Mackenzie (zona oeste de São Paulo), próximo a marginal Pinheiros, está bloqueada deste as 9h30 desta terça-feira devido ao tombamento de uma carreta que carregava nitrogênio. O produto vazou no local e Corpo de Bombeiros foi acionado.

A Defesa Civil foi chamada para isolar a área por medida de segurança. O produto caiu no local, mas o vazamento foi controlado. Ninguém ficou ferido.

Não há previsão para que a avenida seja liberada. O desvio acontece pela avenida Presidente Altino.

ESTADO DE ATENÇÃO

Por conta da chuva, quase toda a cidade de São Paulo ficou em estado de atenção para alagamentos das 15h às 15h55. De acordo com o CGE (Centro de Gerenciamento de Emergências), da prefeitura, os bairros mais afetados pela precipitação estavam nas zonas norte, oeste, sul, central, além das marginais Pinheiros e Tietê.

A escala do órgão passa por observação (condições normais), atenção (possibilidade de alagamentos), alerta (transbordamento de rios e córregos) e alerta máximo (estado de calamidade pública).

O aeroporto de Congonhas (zona sul), ficou fechado por 40 minutos devido à chuva. De acordo com a Infraero (estatal que administra o aeroporto), Congonhas ficou fechado das 14h48 às 15h30. Depois, pousos e decolagens passaram a ser feitos com o auxílio de instrumentos.

PREVISÃO

Na quarta-feira (18), a previsão aponta que a chuva será intermitente em boa parte do dia, mas o tempo melhora até o começo da noite.

As temperaturas serão baixas, oscilando entre mínima de 12ºC e máxima de 17ºC. O risco para deslizamentos de terra permanece em função das chuvas dos últimos dias.

Já na quinta o tempo abre, com predomínio de sol na maior parte do dia e sem previsão de chuvas. As temperaturas ainda permanecem baixas e a máxima não ultrapassa os 18ºC.

Fonte: Folha Online

Recomendo estes outros conteúdos:

  1. Com chuva, SP tem árvores caídas e mais de 30 semáforos com problema. Acidente complica Marginal do Tietê
  2. Internauta reclama de: alagamentos, lixo, transporte público…
  3. CET interdita pista local da Marginal Tietê para obras
  4. Após recorde histórico de congestionamento, trânsito na cidade diminui
  5. CET interdita trechos da Marginal do Tietê para obras

Seu email nao sera divulgado.
Campos obrigatorios marcados com *