17
março
2013
19:06

Entregadores de jornais dormem em rampa para deficientes e ainda sujam o local com o material de distribuição

Em tempo: Pontual Promoções nos encaminha uma resposta. Leia na íntegra:

Muito obrigado pela abordagem do assunto, concordamos plenamente com a sua opinião.

Quero aproveitar a oportunidade e dizer que os promotores são muito bem orientados pelos supervisores, mas alguma coisa realmente foge, pois trabalhar com ser humano realmente não é fácil.

No dia, nesta região estávamos com 60 promotores na rua e 4 supervisores tentando obter 100% de qualidade, mas devido o ocorrido esta meta não foi totalmente atingida neste dia.

Não é por isso que a Pontual Promoções não seja uma empresa de credibilidade e a mão de obra não é barata, como foi citado no Blog.

As fotos do seu Blog será repassado para os supervisores responsável pela região e serão advertidos.

 

Agora, leia a reclamação:

6ª Economia Mundial mas com uma educação de terceiro-mundo e sem distribuição de renda!

Acho um absurdo, nas minhas andanças, ver os acessos para deficientes e idosos ou os pisos podotáteis nas calçadas, para deficientes visuais, obstruídos!

Neste domingo flagrei esta cena bizarra. Dois homens dormindo na rampa de acesso para deficientes e idosos do banco Santander, na praça Oswaldo Cruz.

Funcionários da empresa Pontual Promoções, estavam a serviço do Meu Imóvel Jornal, com anúncios de imóveis de alto-padrão!

E tem mais: na volta, algumas horas depois, e com chuva, os rapazes já haviam saído e o local estava com os jornais espalhados e molhados, uma sujeira só!

 


Falar o que desta situação? O jornal, com anúncios que não devem ser baratos, contrata uma empresa que recruta, sem nenhum critério e rigor, funcionários despreparados e sem postura para representar os seus clientes.

A credibilidade da própria Pontual Promoções fica prejudicada quando tenta obter lucro com mão de obra barata! O barato, neste caso, provou que sai bem caro!

E se eu não tivesse denunciado, por quanto tempo mais esta situação se arrastaria?

Reclamações e sugestões podem ser encaminhadas ao marcelo@blogdocury.com.br.

Recomendo estes outros conteúdos:

  1. Viatura da ATENDE é estacionada em cima de piso para deficientes visuais e motorista vai ao banco
  2. Atendente da Vex não resolve problema e ainda sugere cancelamento de plano
  3. Belo exemplo: viatura da Guarda Civil estaciona em cima de faixa destinada a deficientes
  4. Deficientes sempre são colocados em segundo plano em São Paulo
  5. Flagrante: motorista estaciona na calçada, fecha passagem de pedestres e ainda acha que está dentro da lei