27
novembro
2012
17:03

Flagrante do blog: cabines de recarga de Bilhete Único nas estações de Metrô estão sempre sem sistema

A coisa mais comum é passar por uma dessas cabines de recarga do Bilhete Único e observar um aviso que informa a falta de sistema! Isso acaba sobrecarregando as máquinas de auto-atendimento que ficam próximas. Como sempre, a população, que banca toda essa estrutura, acaba sendo prejudicada!

A foto acima é do dia 23 de novembro, última sexta-feira. A foto abaixo é do dia 25 de novembro, domingo, e a foto na sequência é de segunda à tarde, todas na estação Paraíso do Metrô.

Agora a pergunta que não quer calar: que tipo de sistema opera as máquinas de recarga do Bilhete Único? Por que todos os dias o sistema apresenta problemas?

Eu tenho uma tese, uma vez que a SPTrans não me enviou uma resposta até agora, dando margem para eu pensar o que quiser: eles simulam problemas no sistema para forçar a população a aprender a utilizar as máquinas de auto-atendimento. A intenção é a mesma dos bancos: com o tempo eliminar a folha de pagamento e aumentar os lucros.

Reclamações e sugestões podem ser encaminhadas ao marcelo@blogdocury.com.br.

Recomendo estes outros conteúdos:

  1. Metrô de SP fecha estações da linha 2-verde para testes neste domingo
  2. Flagrante do Blog: Condutor do Metrô de São Paulo trabalha com sono e dá a famosa “pescadinha” durante o serviço
  3. Flagrante do blog: pazinhas de madeira do Starbucks ficam expostas sem higiene
  4. Metrô realiza nova sessão de testes do sistema de controle de trens na linha verde
  5. Flagrante do Blog do Cury: absurdo o lixo jogado nas ruas de São Paulo

Seu email nao sera divulgado.
Campos obrigatorios marcados com *