14
outubro
2010
18:05

Horário de verão começa domingo e permitirá economia de até 5% no horário de pico

O horário de verão, que começa no próximo fim de semana, vai possibilitar uma redução de 4,5% a 5% no consumo no horário de pico, das 19 horas às 22 horas. A projeção é do ONS (Operador Nacional do Sistema Elétrico), que calcula que essa economia é suficiente para abastecer duas cidades do porte de Brasília.

Horário de verão começa no próximo domingo
Parques de SP terão funcionamento estendido

A partir da 0h de domingo (17), os relógios deverão ser adiantados uma hora nos Estados do Sul, Sudeste e Centro-Oeste. O horário de verão termina no dia 20 de fevereiro.

O horário especial vai permitir ainda que menos termelétricas tenham que ser ligadas no verão. Isso vai significar uma economia de R$ 80 milhões.

“É uma redução de 2.530 MW (megawatts). Isso equivale a uma usina termelétrica, cujo custo de construção chegaria a R$ 2 bilhões”, afirmou o diretor-geral do ONS, Hermes Chipp.

O horário de verão será adotado no Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Distrito Federal.

Decreto do presidente Luiz Inácio Lula da Silva estipula que a mudança no horário ocorrerá sempre no terceiro domingo de outubro e terminará no terceiro domingo de fevereiro. Se a data coincidir com o domingo de Carnaval, o final do horário de verão é transferido para o próximo domingo.

Cirilo Júnior
Do Rio
Folha.com

Recomendo estes outros conteúdos:

  1. Pedágio da Dutra terá novo valor a partir de domingo (01/08)
  2. Recapeamento de vias da Zona Norte começa nesta sexta-feira

Seu email nao sera divulgado.
Campos obrigatorios marcados com *