06
junho
2012
19:55

Mesmo rendendo menos, poupança tem o melhor maio da história

Captação das cadernetas chega a R$ 6,2 bilhões, informou o Banco Central

No mês em que o governo federal mudou as regras e diminuiu o rendimento da poupança, a diferença entre os depósitos e os saques nas cadernetas triplicou em relação a abril, atingindo R$ 6,26 bilhões, informou o Banco Central nesta quarta-feira (6). 

O montante representa o maior valor para o mês de maio desde o início da série histórica, em 1995. Antes, mostra a autoridade monetária, a maior captação da poupança registrada para o quinto mês de um ano foi em 2010, quando atingiu R$ 2,12 bilhões.

A cifra para o mês de maio também é a maior captação líquida, ou seja, resultado dos depósitos menos retiradas para todos os meses, desde dezembro de 2010 (R$ 6,35 bilhões).

Tradicionalmente, os meses de dezembro apresentam mais depósitos, porque é quando o brasileiro recebe os abonos de fim de ano.

Mudança no rendimento 

Após o Copom (Comitê de Política Monetária) do Banco Central alterar a taxa básica de juros (Selic) de 9% ao ano para 8,5% ao ano na última quarta-feira (30), as cadernetas de poupança passam a render com base na Selic a partir desta quinta-feira. Agora, quem colocar dinheiro na poupança terá um ganho um pouco menor que quem aplicou antes do início de maio.

Na prática, porém, este rendimento menor só vale a partir de hoje, ainda que o brasileiro tenha colocado dinheiro na poupança depois do dia 4.

O dinheiro investido em quase todo o mês de maio, portanto, vai render de acordo com a regra antiga porque o “rendimento da poupança é calculado numa base diária”, explica o professor de finanças da FGV (Fundação Getulio Vargas) William Eid. Entenda as mudanças no quadro abaixo.

Fonte: R7

Recomendo estes outros conteúdos:

  1. Juro da poupança pode mudar 1 vez por mês com novas regras
  2. Com o maior orçamento da história, CET não tem talão para aplicar multas aos motoristas infratores, me contou um passarinho verde
  3. CET monitora trânsito no Vale do Anhangabau para “1º de maio da CUT Brasil – África”
  4. Ipem-SP realiza verificação de taxímetros em Francisco Morato nos dias 17 e 18 de maio
  5. Shoptime não tem jeito: mais uma reclamação de internauta

Seu email nao sera divulgado.
Campos obrigatorios marcados com *