26
maio
2011
23:07

Prefeitura de São Paulo implanta mais 15 quilômetros de ciclofaixa de lazer

Trajeto sai do Parque do Povo, passa pela Av. Eng. Luís Carlos Berrini e termina na Roberto Marinho

No próximo domingo, 29/05, a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) amplia a Ciclofaixa de Lazer em mais 15 quilômetros (7,5 quilômetros em cada sentido), fazendo a ligação entre o Parque do Povo e a Av. Jornalista Roberto Marinho. O trajeto sai do Parque do Povo e segue pela Av. Chedid Jafet, Rua Funchal, Av. Eng. Luís Carlos Berrini e Av. Jornalista Roberto Marinho (até o futuro Parque Clube do Chuvisco). 

Com a entrega de mais este trecho, a extensão total da Ciclofaixa de Lazer será de 45 quilômetros, ligando os parques das Bicicletas, Ibirapuera, do Povo, Villa-Lobos e o futuro Parque Clube do Chuvisco. Na mesma data, toda a extensão da Ciclofaixa terá seu horário de funcionamento prorrogado em mais duas horas, passando a funcionar, todos os domingos, das 07h00 às 16h00.

Para a implantação desse novo trecho, serão utilizados 120 cavaletes, 3.260 cones e 60 super cones. Para a sinalização foram implantadas 610 placas de regulamentação e advertência, 6.100 m² de sinalização de solo e 91 faixas informativas.

Na operação da Ciclofaixa serão 50 operadores de trânsito da CET e 76 monitores da SEME – Secretaria Municipal de Esportes, Lazer e Recreação. Também serão adotadas as seguintes medidas operacionais para dar maior segurança aos ciclistas e motoristas que trafegam pelo local:

· Nas vias que compõem o trajeto durante o horário de funcionamento da Ciclofaixa a velocidade máxima dos veículos será de 40 km/h

· Proibição de estacionamento na Rua Funchal (entre as avenidas dos Bandeirantes e Cardoso de Melo, no sentido da Av. Juscelino Kubitschek), na Av. Eng. Luís Carlos Berrini (entre as ruas Taperoá e Kansas, no sentido da Av. dos Bandeirantes) e Av. Roberto Marinho (entre a Av. Eng. Luís Carlos Berrini e a Rua Gabriel de Lara, nos dois sentidos)

Durante o horário de funcionamento da Ciclofaixa serão desativados os seguintes retornos e conversões à esquerda:

LOCAL

SITUAÇÃO ATUAL

ALTERNATIVA

Rua Funchal x Rua São Tomé

Conversão à esquerda

Retorno na Praça Augusto Rademaken Grunewald

Rua Funchal x Av. Dr. Cardoso de Melo

Av. Eng.º Luiz Carlos Berrini x Praça do Cancioneiro

Retorno

Av. Roberto Marinho x Rua Nova York

Conversão à esquerda

Looping de quadra nas ruas Antonio de Macedo Soares e João Álvares Soares

Av. Roberto Marinho x Av. Portugal

Retorno na Praça José Antero Guedes

Av. Roberto Marinho x Av. Min. José Gallotti

Retorno

Rua Princisa Isabel x Av. Roberto Marinho

Retorno

Looping de quadra nas ruas Antonio de Macedo Soares e João Álvares Soares

Rua Princisa Isabel x Av. Roberto MarinhoConversão

Retorno na Praça José Antero Guedes

Av. Roberto Marinho x Rua Casemiro de Abreu

Retorno

Looping de quadra nas ruas João Álvares Soares e Antonio de Macedo Soares

Para garantir a segurança dos usuários, serão necessários os seguintes bloqueios viários:

LOCAL

BLOQUEIO

ALTERNATIVA

Av. Chedid Jafet x Av. Juscelino Kubitschek

Proibido acesso na Av. Juscelino Kubitschek

Seguir na Rua Henrique Chamma, retornar à esquerda após o Parque do Povo. Acessar a Av. JK sentido Marg. Pinheiros, retornar à esquerda e acessar a Av. JK, sentido Itaim

Rua Araçaíba x Av. Roberto Marinho

Bloqueio na Av. Roberto Marinho

Acesso pela Rua Guaraíuva

Rua Porto União x Av. Roberto Marinho

Rua Francisco Dias Velho x Av. Jurubatuba

Acesso pela paralela, Rua Gabriel de Lara

Av. Roberto Marinho x Rua Pascoal Pais

Av. Roberto Marinho x Av. Portugal

Acesso pela Av. Pe. Antonio José dos Santos e Av. Santo Amaro

R. Princesa Isabel x Av. Roberto Marinho

Acesso pela Rua Vieira de Morais e Av. Vereador José Diniz

Alça de acesso da Ponte Engº. Ary Torres para a Av. Eng. Luiz C. Berrini

Bloqueio

Acesso pela Av. dos Bandeirantes, Rua Guaraíuva e Rua Guararapes

A criação da Ciclofaixa tem como principal objetivo oferecer uma opção de lazer saudável à população, por isso a orientação aos usuários é que não abusem da velocidade, para evitar acidentes. A implantação da Ciclofaixa envolve as secretarias de Esportes, Lazer e Recreação, do Verde e do Meio Ambiente, de Transportes e de Coordenação das Subprefeituras, além da CET, com apoio da Bradesco Seguros.

A implantação da Ciclofaixa, em agosto de 2009, provocou uma convivência mais harmoniosa na relação bicicletas e demais veículos no trânsito paulistano. Prova disso é que o balanço de acidentes de trânsito referente ao ano de 2010 registrou que o número de ciclistas mortos em acidentes apresentou a maior queda: de 19,7%. Em 2010, foram 49 ciclistas mortos no trânsito ante 61 vítimas fatais no ano anterior. Além disso, os ciclistas representam apenas 3,6% do total de vítimas fatais no trânsito.

Recomendo estes outros conteúdos:

  1. Ciclofaixa de lazer irá funcionar duas horas a mais neste domingo
  2. Ciclofaixa irá funcionar em caráter experimental nesta quinta-feira, feriado de Tiradentes
  3. Prefeitura amplia restrições a caminhões em São Paulo
  4. Atividades marcam comemoração do primeiro ano da ciclofaixa em SP
  5. CET implanta Operação Especial de Trânsito para a Corrida São Paulo Fórmula Indy 300

Seu email nao sera divulgado.
Campos obrigatorios marcados com *