11
março
2011
20:31

Prefeitura e Governo do Estado anunciam melhorias para o transporte público na região da M’Boi Mirim

Em reunião conjunta entre os secretários de Estado dos Transportes Metropolitanos, Jurandir Fernandes, e  Municipal de Transportes, Marcelo Cardinale Branco, e representantes de moradores da região do M’Boi Mirim foi anunciado o início dos estudos para a ampliação da Linha 5-Lilás do Metrô, do Capão Redondo até o Jardim Ângela, na zona sul da Capital.  A reunião ocorreu na manhã desta sexta-feira (11), na Secretaria dos Transportes Metropolitanos (STM). 

O anúncio foi feito a representantes dos moradores dos bairros Jardim Ângela,  Jardim Jacira, Jardim São Luiz, Jardim Arizona, Piraporinha, Jardim Paranapanema e de outras localidades que utilizam o  M’Boi Mirim.

Na ocasião, o secretário Jurandir Fernandes informou aos presentes que uma obra como esta tem prazo médio de conclusão de seis anos devido ao tempo necessário para elaboração e aprovação de projetos, desenrolar do processo licitatório e execução da obra. Na reunião, quando foram discutidos os problemas e propostas para melhorar o transporte público na região, os representantes comunitários foram convidados pelo presidente do Metrô, Sérgio Avelleda, para nova reunião com técnicos da Companhia até o final deste mês.

A Linha 5- Lilás opera desde outubro de 2002 em seis estações e 8,4 km de vias entre Capão Redondo e Largo Treze, transporta 170 mil usuários por dia, em média. Atualmente, esta linha está sendo ampliada com a construção da Estação Adolfo Pinheiro, que está prevista para ser concluída em 2013 e seguirá até a estação Chácara Klabin, onde se integrará com a Linha 2-Verde, passando pela estação Santa Cruz, local de integração com a Linha 1-Azul.

Na reunião, o secretário Marcelo Branco reiterou a necessidade uma ação integrada entre Prefeitura e Governo do Estado para solucionar o problema de transporte público na região do M’Boi Mirim. Entre as medidas que serão adotadas no âmbito municipal estão a implantação do sistema de monotrilho ao longo da Estrada do M’Boi Mirim até o Jardim Ângela, cujo projeto básico já foi contratado por meio de licitação, a requalificação do Corredor Jardim Ângela-Guarapíranga-Santo Amaro, que receberá melhorias no piso e nas paradas, por exemplo, além da revitalização dos semáforos na Estrada do M’Boi Mirim para permitir maior fluidez ao transporte público na via.

Além disso, as obras de requalificação do Terminal Santo Amaro, uma das reivindicações dos moradores, já estão em andamento e deverão estar concluídas ainda este ano. Foram marcadas ainda reuniões entre representantes dos moradores com técnicos da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) e da SPTrans para discutir melhorias na sinalização que permitam ganhos na fluidez e na operação do transporte público na região.   

Desde a quinta-feira (10), a faixa reversível para ônibus da Estrada do M’Boi Mirim teve seu horário de operação ampliado em uma hora, passando a ter início às 5h30 e término às 8h30. Além da alteração na faixa exclusiva, foram criadas duas linhas, uma ligando o Terminal Guarapiranga a Pinheiros e outra fazendo a ligação entre a Vila Remo e Moema.

Recomendo estes outros conteúdos:

  1. Transporte público implanta esquema especial para início do horário de verão
  2. Subprefeitura flagra veículo depositando entulho em via pública em M’ Boi Mirim
  3. Internauta reclama de: alagamentos, lixo, transporte público…
  4. Em 2h, chove 28% do esperado para o mês no Aricanduva, diz Prefeitura
  5. Operação especial de trânsito e transporte para o GP Brasil de Fórmula 1